sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Crono(i)lógico

Tava dando uma olhada aqui no blog e reparei que ultimamente tenho postado nos mesmos horários, mas com uma precisão incrível! E o mais bizarro: sem perceber. Os horários coincidem muito, inclusive os que são próximos às 2h. Não é á toa, já que eu funciono melhor à noite, mas achei isso engraçado, até parece que eu fico esperando dar certo horário pra clicar no “Publicar Postagem”. Ridículo.

Sei que não tem nada a ver, mas isso me lembrou aquela teoria tosca segundo a qual quando você olha no relógio e as horas e minutos coincidem (tipo 23:23, 10:10, 05:05), a pessoa que você gosta está pensando em você. Engraçado é que comigo é o contrário, toda vez que olho o relógio as horas estão inversas aos minutos, tipo 21:12, 04:40, 10:01. O que seria isso então? Eu pensando na pessoa e a pessoa nem aí pra mim? Quanta bobagem, meu Deus!

Não entendo como essas teorias idiotas impregnam no cérebro e não saem mais! Desde que tomei conhecimento dessa última (e isso foi há uns 3 anos), não consigo mais olhar prum relógio sem pensar tal bobagem! Por mais que você saiba que tudo não passa de uma grande invenção sem fundamento, sempre acaba lembrando dessas teorias. Sempre! Inclusive ao passar por baixo de uma escada, ou numa sexta-feira 13. Você pode não acreditar na superstição, mas você lembra dela. É inevitável. Inevitável ver que sua orelha esquerda tá vermelha e não pensar: Caramba, tem alguém falando mal de mim! – ou então, ao levantar da cama com o pé esquerdo: Putz, ferrou! O dia vai ser uma merda! – ou quando alguém fala algo negativo, sair correndo em direção da mesa da sala e bater na madeira.

Quando criança quebrei sem querer um espelho em pleno Ano Novo e não tive sete anos de azar. Apontei estrelas no céu e não fiquei com verruga no dedo. Pisei em diversos bueiros ao longo da vida e nada de má sorte! (acredite, já ouvi pessoas dizerem que pisar num bueiro dá azar!). E no dia 06/06/06 o mundo não acabou. Acordei pra trabalhar e voltei pra casa sã e salva. Caramba, comecei o post falando de um assunto e terminei com outro nada a ver! Eu e minhas digressões, como sempre! Não consigo evitar... sempre puxo assuntos que derivam de outros. Enfim. Pensando em tudo isso concluí que certas teorias estragam a humanidade. Deixam as pessoas mais bobas e mais suscetíveis a crenças idiotas. Inclusive eu. Só não sei como essas coisas passam a fazer parte da cultura (inútil) popular e são transmitidas durante gerações, sem que ao menos as pessoas se perguntem por quê.

Enquanto isso eu continuo a olhar pro relógio e pensar se Fulano tá pensando em mim. (Fulano tem nome e existe de verdade, só não quero que ele saiba que é o Fulano dos meus textos. Pelo menos por enquanto).

4 perdidos por aqui:

Francine disse...

eu tenho 'problema' com o 11:11 - uma vez me disseram que essa hora tem algo de cabalístico e tal. E não é que SEEMMMPREE olha no relógio e é 11:11?

loucura!

beijos!

intomywild disse...

não brinca? eu tbm fiz isso com meu blog e percebi que TODOS os meus posts foram feitos de madrugada! somos duas que funcionamos melhor a noite!
essa do relógio é fato, na verdade, como tu bem falou, toda essa história de superstição, mesmo que não acredita acaba lembrando... eu mesma, não acredito na história de passar debaixo da escada dar azar, mas sempre que tô na rua e passo por baixo de uma escada me lembro disso, rs!

Lu disse...

Nem sabia disso do horário, bom que tu me avisou, agora vou ficar paranóica :P

Tem selinho pra ti lá no Ideias =)

Diego Paes disse...

e não é que a arruaceira dos ônibus e contadora de histórias também é ótima escritora?

curti os textos, agora aguenta, vou visitar direto! hahaha

parabéns =)

orgulho de vc haha

 
Header Image by Colorpiano Illustration